Suínos: Preços não reagem no início do mês

Publicado em 10/11/2011 09:37 233 exibições
Na primeira dezena de novembro, o preço do suíno vivo caiu na maioria das regiões pesquisadas pelo Cepea. Esse cenário foi contrário ao que agentes colaboradores do Cepea esperavam. Muitos acreditavam em alta, fundamentados no típico aquecimento em início de mês, especialmente de novembro, com a aproximação do final do ano. Quanto ao mês de outubro, entre as 20 regiões acompanhadas pelo Cepea, a média mensal do suíno vivo foi de 5% a 17% maior que a de setembro. Apesar disso, o preço do vivo mantém-se bem abaixo das médias nominais de um ano atrás – entre 9% e 16% menor que a média de outubro de 2010 em termos nominais. Em relação às exportações de carne suína in natura, dados da Secex indicam que 38,4 mil toneladas da carne foram embarcadas em outubro, volume 9,4% maior que o de setembro/11, mas 9,2% inferior aos envios de outubro/10.
Tags:
Fonte:
Cepea

0 comentário