Arroz: Leilão de Recompra de Opções apresenta pouco interesse

Publicado em 16/12/2011 07:23 244 exibições
O 2º leilão de Recompra de contratos de opção de venda de arroz realizado, hoje, 15 de dezembro, pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) negociou apenas 648 contratos ofertados em leilão, ou apenas 17,5% da oferta dos 3.704 ofertados.  No Rio Grande do Sul foram ofertados 3.204 contratos, com negociação de 612 contratos, ou 19,10% e em Santa Catarina foram ofertados 500 contratos com apenas 36 contratos negociados, ou 7,2% do total

A recompra constitui-se em uma subvenção econômica concedida pelo Governo, com o objetivo de equalizar os preços de exercícios das opções de venda lançadas pelo Governo e os preços praticados no mercado, desonerando o Governo da obrigação de adquirir o produto e conseqüentemente, do produtor, entregá-lo ao governo. O titular do contrato de opção de venda, que arrematou o prêmio e cumprir com todas as exigências do edital, receberá o valor da subvenção econômica objeto do leilão, correspondente a R$ 3,4 por saco ou R$ 1.836 por contrato de 27 toneladas.

A baixa demanda pelo leilão de recompra significa que os produtores que participaram dos leilões de opções em 2011 deverão OPTAR pela entrega do produto ao Governo Federal e habilitando-se a receber os valores para o arroz tipo 1, entre R$ 27,58 (50 a 56 de inteiros) até R$ 32,35 (acima de 63% de inteiros), bem acima dos atuais preços praticados no mercado físico.

O detentor da opção deverá confirmar o exercício da opção até 28 de dezembro, entregar o produto e a documentação até 16/01/2012 e receber o pagamento dos contratos de 16 a 29 de janeiro de 2012.

Tags:
Fonte:
Marco Aurélio Tavares

0 comentário