Leilão de arroz tenta esfriar os preços

Publicado em 28/08/2012 11:02 752 exibições
Leilão de 50 mil toneladas na próxima sexta-feira (31) tenta segurar a forte alta dos preços em 2012.
O primeiro leilão dos estoques de arroz em casca da Conab será realizado na próxima sexta-feira, dia 31/08/2012, com a oferta de 50 mil toneladas. O preço de abertura deste leilão será definido até a próxima quarta-feira. O estoque ofertado é oriundo de AGF (Aquisições do Governo Federal) e de Contratos de Opções Públicas. O governo, dessa forma, sinaliza ao mercado que os preços pagos aos produtores já atingiram níveis elevados, com escassez de oferta alegada por alguns compradores, o que justificaria a oferta dos estoques públicos. No Rio Grande do Sul, a média subiu para 35,18 por saco de 50 Kg (FOB produtor), contra R$ 33,34 por saco de 50 Kg na semana anterior, variando entre R$ 34,50 e R$ 36,00 por saco de 50 Kg, para produto com 58% de grãos inteiros. No Rio Grande do Sul, o preço do arroz em casca acumula uma alta de 5,5% em uma semana, de 16,1% em 30 dias e de 48,1% nos últimos 12 meses. Em um primeiro momento, a tendência é de recuo ou de estabilidade dos preços no mercado, dependendo dos volumes e preços ofertados pelo governo nas próximas operações de venda. A sequência de leilões vai determinar se realmente o mercado está com escassez, se há interesse pelos estoques do governo e se as ofertas vão realmente conseguir frear o ímpeto altista do mercado. O fato de os estoques serem de safras mais antigas (2006/2007 e 2007/2008) é pouco importante, pois não implica que seja produto de baixa qualidade, pois a maior parte está estocada nas próprias indústrias.
Tags:
Fonte:
Carlos Cogo

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário