Conab: Pepro de trigo tem baixa procura

Publicado em 11/12/2014 11:52 85 exibições

O leilão de Pepro de trigo, realizado nesta quinta (11), pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), comercializou um valor de prêmio relativo à venda e escoamento de 6,1 mil t do produto. Essa quantidade corresponde a 12% do total pretendido, que era de 52 mil t. Para esta operação, o governo poderá pagar até R$ 295 mil em prêmio.

Este último Pepro de trigo do ano foi destinado aos estados do Paraná (com 1,4 mil t negociadas) e Rio Grande do Sul (com 4,7 mil t negociadas). O trigo é em grãos e oriundo da safra 2014/15. Ele só poderá ser escoado para as regiões Norte e Nordeste.

Também nesta quinta-feira a Conab promoveu leilão de venda de 29,7 mil toneladas de arroz. Foram comercializadas 28 mil t, o que corresponde a 93 % do total ofertado. O valor da operação foi de R$ 20,1 milhões. O arroz é originário do Rio Grande do Sul.

Borracha - No próximo dia 17, a Conab oferecerá incentivo à venda e escoamento de 4,3 mil t de borracha natural, safra 2013/2014. A operação está detalhada no Aviso Pepro Nº 247/14. Os adquirentes deverão, obrigatoriamente, comprovar a venda e o escoamento de borracha natural exclusivamente para usinas de beneficiamento. O prazo de comprovação da venda do produto é 31 deste mês. Os lotes estão divididos da seguinte forma: Bahia (300 t), São Paulo (2 mil t), Mato Grosso (500 t), Espírito Santo (200 t), Minas Gerais (300 t) e Goiás (1 mil t).

Tags:
Fonte:
Conab

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário