Na Folha: Produção de grãos de Mato Grosso supera estimativas iniciais

Publicado em 05/12/2016 07:07 66 exibições
Por Mauro Zafalon, coluna Vaivém das Commodities

Os dados do Imea (Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária) da próxima semana trarão novidades. Deverão ser reajustados para cima os volumes de produção tanto de soja como de milho, com destaque maior para esse último.

O clima é um dos principais responsáveis por essa mudança, na avaliação de Daniel Latorraca, superintendente do Imea.

O plantio de soja foi favorecido neste ano pelas condições climáticas e, ao terminar mais cedo, vai dar condições melhores também para o de milho, que vem a seguir.

Os novos números do instituto vão indicar uma produtividade para a soja acima das 53,2 sacas previstas atualmente. Com isso, a produção do Estado de Mato Grosso, líder nacional, superará os 30 milhões de toneladas.

Já o milho, devido à antecipação da colheita da soja em relação ao que ocorreu no ano passado, "terá um ajuste mais agudo", segundo Latorraca.

Os novos números vão apontar para um aumento da área, atualmente prevista em 4,2 milhões de hectares.

O Imea ainda faz acertos nos números finais de produção de milho, que serão divulgados na próxima semana. Mas podem ficar próximos de 24 milhões de toneladas, acima dos 23,3 milhões previstos atualmente. Na safra deste ano, a produção foi de 18,9 milhões de toneladas.

Ângelo Ozelame, gestor técnico do instituto, diz que o plantio de milho da próxima safra, ocorrerá praticamente todo ele dentro do período ideal, ao contrário do que ocorreu na safra 2015/16.

Leia a notícia na íntegra no site Folha S.Paulo.

Fonte:
Folha de S.Paulo

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário