BM&F avalia negócios com arroz

Publicado em 30/07/2010 08:06 e atualizado em 07/03/2020 09:06 860 exibições
A Bolsa de Valores, Mercadorias e Futuros (BM&F) está analisando a possibilidade de incluir o arroz na sua cartela de contratos. Se isso acontecer, produtores, indústrias e especuladores poderão negociar no mercado futuro do grão, o que pode ajudar a garantir a rentabilidade da safra. A informação da BM&F é que a solicitação foi feita por investidores e que, após análise, será preparado um projeto nos moldes de oferta da instituição. Segundo o assessor de investimentos da XP Investimentos, Paulo Chiarelli, a inclusão pode funcionar como um regulador de mercado para o setor, assim como no caso da soja, milho e café já negociados. Conforme o analista, a XP enviou sugestões neste sentido para a bolsa em fevereiro. Entre elas, a de que o contrato seja apenas financeiro, ou seja, que não contemplando a entrega do grão.

Segundo o diretor comercial do Irga, Rubens Silveira, a proposta é excelente, mas o setor precisará de tempo para aderir à ideia. "O produtor poderia alavancar garantia para safra, mas precisa mudar a mentalidade." Para o presidente da Câmara Setorial do Arroz da Farsul, Francisco Schardong, o arrozeiro tem dificuldade de comercializar no mercado futuro porque está acostumado com o modelo tradicional.

Tags:
Fonte:
Correio do Povo

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário