Trigos importados começam a ficar atraentes para importadores brasileiros

Publicado em 14/03/2011 08:20 315 exibições
Com a elevação entre 14,8% (Rio Grande do Sul) e 19% (Paraná) nos preços internos nos últimos 45 dias e coma redução de 13% somente nos últimos 5 dias dos preços internacionais, as cotações dos trigos importados podem eventualmente se tornar interessantes para os importadores brasileiros.

A diferença em relação ao trio canadense, por exemplo, que há 30 dias estava ao redor de 41%, caiu para 27,64% nesta sexta-feira. Em relação ao trigo duro americano, outro trigo que interessa aos moinhos brasileiros, a diferença caiu de 37% há 30 dias para 18,19% nesta sexta. E a diferença como trigo argentino, que chegou a 23%, atingiu a mínima de 8,27% neste fim de semana.

O Brasil precisa comprar cerca de 5,7 milhões de toneladas no exterior no período julho/2010 e junho/2011, segundo dados oficiais e 6,0-6,5 milhões de toneladas segundo fontes privadas, das quais calcula-se que já tenha adquirido a maior parte, devendo faltar algo ao redor de 1,7 milhão de toneladas.

Tags:
Fonte:
Trigo & Farinhas

0 comentário