Federarroz vai à Brasília por melhores preços ao produto

Publicado em 05/04/2011 09:54 169 exibições
Entidade mantém dia de audiências na Capital Federal. Dez deputados participaram de reunião com entidade em Porto Alegre, sobre a crise do arroz

O presidente da Federarroz, Renato Rocha, vice-presidentes e diretores da entidade cumprirão extensa agenda nesta terça-feira, em Brasília, quando tratarão de temas relevantes para superar a crise de comercialização do cereal neste início de 2011. O primeiro compromisso será o acompanhamento do debate sobre o Código Florestal Brasileiro, na Câmara dos Deputados. A Federarroz, através da VP de Meio Ambiente e Recursos Hídricos e Consultoria Ambiental, participou de todo processo, desde as audiências públicas e com importantes sugestões que subsidiaram a elaboração do relatório do deputado federal Aldo Rebelo (PCdoB/SP) para a redação final que deve ir a votação no Congresso Nacional.

 

O primeiro encontro direcionado a mecanismos de comercialização, segundo o presidente da Federarroz, Renato Rocha, será às 14h, com o coordenador da Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, José Maria dos Anjos. Acompanhados pelo deputado federal Luis Carlos Heinze, os arrozeiros tratarão de ajustes nos leilões do PEP e elaboração do cronograma de leilões dos leilões de contratos de opções pública e privada junto com integrantes da Farsul, Fetag e das indústrias.

 

A partir das 15h, a comitiva da Federarroz se reunirá com o presidente da Conab, Alexandre Aguiar, para debater o credenciamento de armazéns no Rio Grande do Sul como forma de viabilizar o acesso aos mecanismos de comercialização pelos arrozeiros. “O espaço credenciado atualmente é pequeno. Estamos oferecendo algumas soluções para ampliá-lo. Aguardamos o posicionamento da Conab”, avisa Rocha.

 

Além do presidente da Federarroz, Renato Rocha, participarão das audiências o vice-presidente da Planície Costeira Interna, Daire Coutinho, o diretor-técnico José Carlos Gross, o vice-presidente de Mercados, Política Agrícola e Armazenagem, Marco Aurélio Tavares, o consultor ambiental Gerson Ferreira e o conselheiro fiscal João Alberto da Silveira. Representantes de outros segmentos da cadeia produtiva também foram convidados a participarem das audiências.

 

LEGISLATIVO – Nesta segunda-feira o setor produtivo arrozeiro conquistou importante apoio dos deputados federais da bancada gaúcha. Dez deputados estiveram presentes em encontro na Assembléia Legislativa do RS, no qual o presidente da Federarroz, Renato Rocha, acompanhado de dirigentes da Fetag e da Farsul, apresentou o cenário da crise de comercialização de arroz e a gravidade do impacto econômico para mais de 140 municípios gaúchos. Cópias das propostas ora encaminhadas pelos arrozeiros aos governos estadual e federal foram entregues aos deputados. Além da coordenadora da Bancada Federal Gaúcha, deputada Manuela D'Ávila, acompanharam o encontro os deputados federais Alceu Moreira, Giovani Cherini, José Stédile, Jeronimo Goergen, Nelson Marchezan Jr, Ronaldo Zulke, Vieira da Cunha, Luís Carlos Heinze e Vilson Covatti, além de vários assessores de outros deputados.

 

Tags:
Fonte:
Federarroz

0 comentário