Cultivares de feijão-caupi da Embrapa são destaque em Mato Grosso

Publicado em 25/05/2011 08:44 437 exibições
A Unidade de Produção da Embrapa Transferência de Tecnologia em Rondonópolis (MT) participa, a partir de hoje (25/05), da 7ª edição do Encontro Nacional de Tecnologias de Safras - Entec$ 2011, em Lucas do Rio Verde (MT). O evento prossegue até o dia 28 e é realizado pela Fundação Rio Verde e pela Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso (Aprosoja - MT).

Durante o Entec$ 2011, a UP de Rondonópolis coordenará uma Unidade de Demonstração onde os visitantes poderão conhecer três cultivares de feijão caupi desenvolvidas pela Embrapa Meio-Norte (Teresina – PI), Embrapa Amazônia Ocidental (Manaus – AM), Embrapa Arroz e Feijão (Santo Antônio de Goiás – GO) e comercializadas pela Embrapa Transferência de Tecnologia, unidades da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

A BRS Guariba é a cultivar de feijão caupi mais plantada em Mato Grosso. Ela possui um ciclo de aproximadamente 70 dias, com planta de porte semi-ereto, grão de coloração branca, com teor de proteína na faixa de 22% e tamanho médio. Além disso, apresenta resistência ao mosaico transmitido por pulgão e ao mosaico-dourado, é moderadamente resistente ao oídio e à mancha-café, e moderadamente tolerante à seca e a altas temperaturas.

Já BRS Marataoã é uma variedade com grão sempre-verde, com ciclo de 70 a 75 dias; porte semi-prostrado, floração de 42 dias; inserção de vagem acima da folhagem, boa qualidade de cozimento, moderadamente resistente a doenças e tolerante a veranicos. A cultivar apresenta ramos relativamente consistentes, o que contribui para que apresente certa resistência ao acamamento. A arquitetura de planta é adequada à realização do dessecamento e à colheita mecânica, que deve ser feita imediatamente após a secagem.

O porte semi-ereto da BRS Novaera também permite a colheita totalmente mecanizada dos grãos. Porém, como as vagens da leguminosa maturam na mesma época, a colheita pode ser feita de uma só vez, por meio do arranquio manual ou do corte das plantas. Outra característica da cultivar são os grãos bem formados, no padrão de preferência de uma grande faixa de consumidores. A BRS Novaera apresenta grãos de coloração branca, com peso médio de 100 grãos em torno de 20 gramas. É moderadamente resistente ao vírus do mosaico dourado e altamente resistente à mancha café.

Expectativa - O Entec$ 2011 é destinado a produtores agropecuários, técnicos, estudantes e profissionais ligados ao agronegócio. No ano passado, o evento reuniu 4.500 pessoas durante três dias de visitação. Para este ano, com a ampliação do espaço físico do encontro, a expectativa dos organizadores é receber 5 mil pessoas por dia.
Tags:
Fonte:
O Documento

0 comentário