Trigo: Micheletto discute fortalecimento da cadeia produtiva

Publicado em 23/09/2011 16:07 394 exibições
O coordenador político da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), deputado Moacir Micheletto, vai se reunir na próxima segunda-feira (26), a partir das 8h30, com a diretoria da Cooperativa Integrada de Londrina para discutir uma política de fortalecimento para a cadeia produtiva do trigo. No encontro, serão debatidos outros temas do agronegócio como o novo Código Florestal Brasileiro, em votação no Senado Federal, o seguro de renda rural, em fase de regulamentação, e o Plano Agrícola e Pecuário 2011/2012. Vão participar também da reunião representantes da cadeia produtiva do trigo.

“O trigo é um produto considerado de segurança alimentar e de grande alcance social, pois cerca de 150 mil produtores se dedicam a essa cultura que gera em torno de 160 mil empregos diretos e 900 mil indiretos em nosso País”, destacou Micheletto. Segundo ele, é inconcebível que a principal matéria-prima na produção de pães e massas, diariamente presente na mesa do consumidor brasileiro não tenha uma política agrícola consistente “para reduzir a nossa eterna dependência externa, que no ano passado nos levou mais de U$ 1,5 bilhão, com as importações de 6,3 milhões de toneladas.

Congresso – Micheletto confirmou sua participação no XVIII Congresso Internacional do Trigo, na cidade do Rio de Janeiro, nos dias 17 e 18 de outubro próximo. Promovido pela Associação Brasileira da indústria do Trigo (Abitigro), o encontro vai reunir além dos produtores de trigo, os mais expressivos dirigentes da indústria da moagem, da panificação e de massas. Altas autoridades federais farão apresentações aos cerca de 500 participantes do evento. Vários especialistas e convidados estrangeiros estão igualmente presentes. A Abitrigo representa mais de 75% da indústria de moagem de trigo.

A produção brasileira, ciclo 2011/1,  está avaliada em 5 milhões e 146 mil toneladas para uma área plantada de 2,08 milhões de hectares. A produtividade média no país, calculada pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), é de 2.46 mil quilos por ha. No Paraná, a safra é cerca de 2,5 milhões de toneladas numa área plantada de 2,48 milhões de hectares e produtividade alcançada de 2,43 mil quilos por ha. Na safra passada, a colheita brasileira de trigo foi de 5,9 milhões de toneladas. No Paraná, a safra anterior se confirmou em 3,3 milhões de toneladas.

Tags:
Fonte:
Ass. Imprensa Moacir Micheletto

0 comentário