Paraguai vai aumentar em 10% a safra de arroz

Publicado em 14/10/2011 16:23 386 exibições
Cultivo começou em agosto e os produtores reclamam dos altos custos de produção e baixos preços de venda.
Cerca de 35% da área de cultivo de arroz do Paraguai para a safra 2011/12 foi semeada até o final de setembro. Estima-se que o país cultivou 55 mil hectares e colheu 245 mil toneladas de cereal na safra passada, dos quais perto de 200 mil tenha sido enviadas para o mercado brasileiro. A estimativa do setor, naquele país, é de que a sua produção seja ampliada em 10%. No Brasil, a estimativa é maior. Acredita-se que a área deve alcançar 80 mil hectares, com 260 mil toneladas colhidas. A produtividade deve reduzir, segundo estimativas dos analistas brasileiros.

Para os produtores paraguaios, no entanto, o grande problema é a alta dos custos de produção, principalmente fertilizantes, como a uréia, e os combustíveis. O aumento sobre o custo de produção por hectare é estimado em 200 dólares. Enquanto isso, os agricultores reclamam que os preços do cereal se mantêm baixos, entre 230 e 250 dólares por tonelada para exportação, com vendas bastante lentas e pagamento a prazo em até 90 dias. O principal mercado de consumo do arroz paraguaio é o Brasil, em estados como São Paulo, Paraná e Mato Grosso do Sul.

Tags:
Fonte:
Planeta Arroz

0 comentário