Cenoura/Cepea: Safra de verão se inicia com preços altos

Publicado em 26/01/2022 15:52 40 exibições

A safra de inverno de cenoura finalizou, em dezembro/21, com tendência de queda de preços, comportamento oposto ao verificado neste início da temporada de verão. A média das cotações na parcial de janeiro (até o dia 21), nas principais regiões produtoras, São Gotardo (MG) e Cristalina (GO), é de R$ 59,80 – valor 165% superior ao de dezembro/21. 

As fortes chuvas que atingiram as lavouras prejudicaram a produção das áreas de verão 2021/22 e aumentaram a incidência de nematoides em algumas localidades. Neste cenário, estão sendo verificadas perdas expressivas na produtividade, além de prejuízos à qualidade das raízes, que estão apresentando doenças (como a “mela”), bem como maior percentual de descarte pós-colheita. 

Além das questões climáticas, os investimentos em área foram restritos nesta temporada de verão. A rentabilidade negativa no primeiro semestre de 2021 deixou produtores receosos em relação ao plantio, o que contribuiu ainda mais para uma restrição na disponibilidade. 

A expectativa é de que a oferta se mantenha reduzida durante o mês de fevereiro. Assim, as cotações tendem a continuar elevadas. Por outro lado, os custos de produção unitários – que já estavam em níveis altos – estão ainda maiores, considerando a queda na produtividade. Neste cenário, mesmo com os preços firmes, a margem pode não ser tão elevada, principalmente para produtores que tiveram perdas mais expressivas.

Tags:
Fonte:
Cepea/Hortifruti

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário