Produtores de maçã e uva comemoram os dias gelados

Publicado em 07/06/2011 09:25 278 exibições
Em São Joaquim, na Serra Catarinense, frio é sinônimo de bons negócios. No Sul e no Sudeste as temperaturas já estão bem baixas.
A colheita da maçã e da uva terminou em meados de maio. Agora é época de dormência dos pomares de maçã, fase em que a planta fica com o metabolismo mais lento armazenando energia para resistir às baixas temperaturas do inverno e gastar na época da brotação. O trabalho dos agricultores no momento se resume na adubação e poda.

A brotação da planta começa somente no fim de agosto e a expectativa dos produtores da Serra Catarinense é superar a safra passada. Os parreirais da região também estão em dormência e o frio vai ajudar na produção da uva.

Gilberto Nava, agrônomo e coordenador da Epagri em São Joaquim, Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural, explica que tanto a macieira quanto a videira, por serem fruteiras de clima temperado, exigem frio durante o período de dormência.

Assista ao vídeo com a entrevista completa e saiba mais sobre o desenvolvimento das frutas e a relação com a temperatura.

Tags:
Fonte:
Globo Rural

0 comentário