Baixas temperaturas reduzem oferta de hortaliças no Sul

Publicado em 11/07/2011 15:06 394 exibições
Conforme o informativo da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater), a oferta de hortaliças está reduzida nas feiras e mercados, em razão da pouca insolação e, especialmente, das baixas temperaturas. O fato está retardando o desenvolvimento e prejudicando o aprontamento final para a colocação no mercado, além de ocasionar perdas nas olerícolas cultivadas a céu aberto.

Em decorrência desta situação, os preços tendem a subir pela diminuição do volume ofertado. O agrônomo da Emater, Antônio Conte, explica que esta redução de oferta é normal para esta época do ano.

– Sempre, no inverno, há uma redução na velocidade de crescimento das hortaliças cultivadas e o volume de oferta reduz em relação à primavera e ao outono. Mas não há nada que esteja fora dos padrões para a época. A diminuição de oferta não ocorre por causa da geada, mas sim por causa da época – informa.

Na última semana, na Ceasa, três hortaliças se destacaram em alta. A alface, que passou de R$ 0,33 para R$ 0,42 o pé, o brócolis híbrido, de R$ 1,25 para R$ 2,08 a cabeça e a couve-flor, de R$ 1,25 para R$ 1,67 a cabeça.

Segundo a análise da Ceasa, a oferta destas hortaliças está bastante reduzida por estar ocorrendo um atraso no aprontamento destas culturas.

Tags:
Fonte:
Canal Rural

0 comentário