Mandioca: Baixa oferta impulsiona preço

Publicado em 31/10/2011 09:24 382 exibições
A oferta de raiz de mandioca destinada à indústria segue significativamente baixa. Considerando-se as regiões acompanhadas pelo Cepea, praticamente não há mais raízes de lavouras de segundo ciclo. Na semana passada, a quantidade de mandioca processada pela indústria de fécula diminuiu frente à anterior. Além da indisponibilidade da matéria-prima, produtores seguem com pouco interesse pela colheita da mandioca de primeiro ciclo, priorizando outras atividades. Essas lavouras, por sua vez, também têm apresentado baixo rendimento de amido. No início da semana passada, houve chuvas em algumas praças, reduzindo o número de dias trabalhados por algumas fecularias. Do lado da indústria, conforme levantamentos do Cepea, muitas mostram maior interesse de aquisição. Algumas unidades chegam a comprar a matéria-prima em regiões mais distantes. Outras ainda aumentam o valor em pago por grama para compensar a diminuição no rendimento de amido. Quanto aos preços, a baixa oferta manteve os valores da raiz em alta, de acordo com dados do Cepea.
Tags:
Fonte:
Cepea

0 comentário