Suco de laranja: Preços avançam em NY na segunda-feira frente ao intenso inverno nos EUA

Publicado em 04/01/2011 06:27 658 exibições
As intempéries do inverno americano continuam a sustentar as cotações do suco de laranja na bolsa de Nova York. Como tornou-se comum nos últimos pregões de 2010, na primeira sessão de 2011 a expectativa de que o frio intenso e as nevascas prejudiquem os pomares da fruta no Estado da Flórida - que reúne o segundo maior parque citrícola do mundo, atrás apenas do paulista - motivou forte valorização. Os contratos com vencimento em março fecharam a US$ 1,7180 por libra-peso, ganho de 825 pontos e maior patamar em três anos, segundo a Bloomberg. Em São Paulo, a caixa de 40,8 quilos da laranja destinada às indústrias de suco saiu, em média, por R$ 16,38 no mercado spot (custos de colheita e frete inclusos), de acordo com o Cepea/Esalq. Já a caixa da laranja pêra de mesa ficou em R$ 20,55.
Tags:
Fonte:
Valor Econômico

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

1 comentário

  • jean cesar pasquini santo andre - SP

    Fico feliz pelo aumento do suco de laranja, mais ao mesmo tempo triste com meu Pai, agricultor a mais de 30 anos no ramo. Eram se os tempos da agricultura, meados da decada de 80. A industria vinha em seu pomar, colhia os frutos, levava até a moagem. Ou melhor, vinham até sua propriedade, davam uma volta ao redor e calculava a sua produçao sem ao menos tem florado ainda. Já a mais de duas decadas passam, oferecem contratos enganosos, e os coitados assinam (gente simples da roça), para eles colherem, levarem e na maioria das vezes falam que sua laranja não deu a quantidade de açucar o suficiente para um suco bom. Fora os quilos de folhas que eles pesam. Esse país é uma verdadeira vergonha nessa área. Um desses gafanhotos já se foi "Zé Cutrale". Ninguem faz nada, o que falta aqui e ser patriota, sermos iguais aos nossos hermanos Argentinos, quando nao estão contentes, travam estradas, barram produçao e tudo mais. Alguem já viu passar em algum jornal de audiencia significativa sobre a laranja, horário nobre. Tudo aqui é comprado. Quero tirar meu pai, mais o gosto pela agricultura que ele sente é puro prazer e amor pelo que planta e colhe. Tenho a certeza que um dia, esse monopólio brasileiro na agricultora do suco de laranja serra derramado pelo chão. Pois são poucos os donos da industrialização, um simples churrasco eles resolvem tudo em poucos palavras, "Vamos pagar tanto ao babacas, com contratos de "tantos anos"."

    Quero deixar um pouco mais claro, dúvido que o defensivos agricolas nao vao dobrar de preço, pois quando sobe o suco da laranja, é uma verdadeira vergonha o valor da tonelada do adubo para onde vai. (Outro monopólio)

    0