Setor de grãos quer barrar fusão da ALL com a Rumo

Publicado em 24/03/2014 07:45 726 exibições

A mobilização para tentar barrar ou impor condições à fusão da América Latina Logística (ALL) com a Rumo, do grupo Cosan, reúne pelo menos três entidades do setor de grãos e duas empresas privadas. Elas temem que a ALL passe a priorizar cargas do seu novo acionista, com forte atuação no mercado de açúcar e etanol, em detrimento dos demais clientes do setor de soja e milho. A ofensiva teve início há quatro meses quando a TCA Logística Trans­portes e Armazéns Gerais Ltda fez uma denúncia no Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), órgão antitruste do governo, sobre práticas comerciais abusivas envolvendo a ALL e a Cosan. Um inquérito foi aberto para apurar o contrato de transporte de açúcar da Cosan pela ALL.

Em seguida, a Federação da Agricultura do Paraná (Faep), a Associação Brasileira da Indústria de Óleos Vegetais (Abiove), a Associação dos Produtores de Soja (Aprosoja-Brasil) e a Fibria Celulose S/A se manifestaram como partes interessadas no processo. Todos pressionam para que o Cade imponha medidas de proteção ao setor antes mesmo de o pedido de fusão ter chegado ao órgão.

Leia a notícia na íntegra no site do Jornal de Londrina.

Tags:
Fonte:
Jornal de Londrina

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário