Mourão critica prioridade no transporte rodoviário e diz que país é refém de uma classe

Publicado em 29/11/2018 12:56
166 exibições

LOGO REUTERS

BRASÍLIA (Reuters) - O vice-presidente eleito, general da reserva Hamilton Mourão, criticou nesta quinta-feira a situação da infraestrutura do país, atacou também a escolha das rodovias como modal prioritário no transporte de cargas e disse que o país é refém de um classe.

Em apresentação durante evento sobre infraestrutura e transportes, Mourão disse que as últimas grandes obras de infraestrutura do país foram realizadas no final do regime militar e que de lá para cá pouco foi feito.

O vice-presidente eleito disse ainda que é urgente que o país passe a contar com outros modais para o transporte de cargas.

O Brasil enfrentou em maio deste ano uma greve de caminhoneiros que paralisou o país.

(Reportagem de Maria Carolina Marcello)

Tags:
Fonte: Reuters

Nenhum comentário