Milho: Tendência de alta aponta custo maior para plantio

Publicado em 22/05/2012 08:26 1145 exibições
Nem ainda Mato Grosso começou a colher e os custos para o plantio da segunda safra 2012/13 
de milho já estão sendo estimados. O último levantamento realizado pelo Imea apontou para um aumento, principalmente, nos preços dos insumos, financiamento e assistência técnica. Os maiores aumentos foram visualizados nos defensivos e fertilizantes, 5,9% e 3,2%, respectivamente, que ficaram mais caros para todas as culturas de Mato Grosso. 

No mês passado, com R$ 826,38/ha conseguia-se comprar os insumos, no entanto, neste mês esse valor passou para R$ 846,67/ha. Somando para a alta, o custo com assistência de um agrônomo aumentou em média R$ 0,20/ha (2,5%) e as taxas de juros fizeram com que o financiamento da safra aumentasse R$ 1,76/ha (2,4%). Como o mercado do cereal que será colhido na safra 2011/12 enfraquece a cada dia, e o dinheiro desta safra atual que fará a safra seguinte, todo estudo e planejamento sobre os custos merecem atenção. O custo para a próxima safrinha de milho, por enquanto, não aumentou tanto, pois atingiu R$ 1.545,41/ha ante os R$ 1.534,41 do mês passado, alta de 0,7%, mas essa tendência de alta deve ser observada e acompanhada para não “perder o bonde”.

Clique aqui para ler a íntegra da análise
Tags:
Fonte:
Imea

0 comentário