Milho MT: Preços aquecidos estimulam melhor desempenho da comercialização

Publicado em 13/11/2012 10:13 498 exibições
Apesar da redução do preço do milho nos últimos meses, o preço médio da saca do cereal no 
Estado ainda segue acima da média. Na avaliação desde 1995, o preço médio do milho, de R$ 10,05 por saca, hoje em dia não seria suficiente para cobrir os custos da lavoura. Considerando o segundo semestre de 2012 até o momento, a média de preço de milho é 93,4% superior à média obtida nos últimos sete anos. No entanto, a desaceleração dos preços entre setembro e outubro deste ano fez com que compradores e vendedores se distanciassem e reduzissem a realização de negócios. Às vésperas do plantio, que ocorrerá em janeiro, e com toda a força focada no plantio da soja, a comercialização do estoque de 1,59 milhão de toneladas segue de forma mais lenta mesmo com os preços tendendo à alta. As condições de mercado, no caso a cotação internacional, que segue elevada, e uma constante demanda interna, estão fazendo com que os preços sigam firmes. Com isso o produtor tende a voltar a comercializar de forma mais  expressiva, tanto o milho spot que está em estoque, quanto o futuro que será produzido, a preços atrativos.

Clique aqui e veja a íntegra do Boletim Semanal do Imea. 
Tags:
Fonte:
Imea

0 comentário