Exportações brasileiras de milho até a segunda semana de fevereiro

Publicado em 15/02/2013 12:18
648 exibições
As exportações brasileiras de milho seguem aquecidas e se o ritmo de fevereiro acompanhar o do mês anterior a perspectiva é mais um recorde em razão da elevada demanda internacional.

Até a segunda semana de fevereiro o país havia embarcado 1,04 milhão de toneladas do grão. Volume 274,2% maior, frente ao mesmo período de 2012.

O faturamento foi de 294,5 milhões de dólares, alta significativa de 261,1% em relação a fevereiro de 2012, quando a receita foi de 81,8 milhões de dólares.

Os embarques brasileiros de milho podem diminuir em meados de fevereiro, quando a soja, que já está sendo colhida, começa a entrar no mercado e os negócios deste grão aumentam.
Tags:
Fonte: Scot Consultoria

2 comentários

  • cllaudio heleno cassol Santa Maria - RS

    - DIZEM,QUE SOBROU DINHEIRO, DO CRÉDITO DE CUSTEIO RURAL. Dúvido, está é a maior FARSA E CRIME, CONTRA OS AGROPECUARISTAS DO BRASIL. Eu, por ser RETALIADO DESDE O PLANO REAL, OU SEJA, DESDE,1998/99,NÃO CONSIGO, OBETER,MAIS, FINANCIAMENTO DE CUSTEIO JUNTO AO BANCO DO BRASIL,LOCAL, QUE,ATÉ, ESTA SAFRA DE1998/1999, ESRAMOS CUSTEADOS, COM 90% DOS CUSTEIOS PARA A FORMAÇÃO DE LAVOURAS E INVESTIMENTOS EM EQUIPAMENTOS. COM advento, da roubalheira,e, Importações Predatórias, patrocinadas pelo GOVERNO FEDERAL, COM A ADOÇÃO DE UM CÂMBIO PREDATÓRIO, NÃO SE CONSEGUIU ATÉ HOJE, EQUILIBRAR AS CONTAS.ALÉM, DA TRANSFORMAÇÃO DOS PASSIVOS DA SECURITIAZÇÃO, EM DIVIDA FISCAL, AUMENTANDO, OS VALORES CERCA DE TRÊS VEZES, MAIS.Uma verdadeira, ditadura Pública e deshumana. É UM ESCÂNDOLO E, AINDA, O GOVERNO FEDERAL, SE ATREVE A SE VANGLORIAR, E, FAZER PROPANGA, ENCIMA, DO SUOR E DO SANGUE, DOS AGROPECURISTAS BRASILEIROS.TRATANDO-OS, COMO CRIMINOSOS, AMBIENTAIS, SENDO, QUE SÃO CONFISCADOS, PELO GOVERNO FEDERAL.

    0
  • cllaudio heleno cassol Santa Maria - RS

    - DIA 15.02.2013. QUANDO É QUE, IREMOS TER DEMOCRACIA E IGUALDADE DE TRATAMENTO, PARA OBTENÇÃO DO CRÉDITO RURAL. JUNTO AS INSTITUIÕES FINANCERIAS, DE MODO ESPECIAL NOS BANCOS PÚBLICOS. SEM, as retaliaçções IMPOSTAS, quando, os clientes,buscam,seus legítimos direitos.

    0