Milho: Cotações seguem em queda no Brasil

Publicado em 23/07/2013 11:19 668 exibições

Com produção recorde, baixo ritmo de negócios e dificuldades de armazenagem, produtores necessitam vender conforme a colheita de milho avança, pressionando as cotações do cereal. Segundo pesquisadores do Cepea, nesse cenário, a intervenção governamental é essencial para o escoamento da segunda safra brasileira de milho. Como alternativa, parte dos produtores está efetuando trocas de milho por insumos para a próxima safra de inverno de 2014. Entre 15 e 22 de julho, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa, referente à região de Campinas (SP), teve baixa de 0,9%, com a saca de 60 kg a R$ 24,52 nessa segunda, 22. Se considerados os negócios também em Campinas, mas cujos prazos de pagamento são descontados pela taxa de desconto NPR, o preço médio à vista foi de R$ 24,13/sc de 60 kg na segunda, com queda de 0,8% no mesmo período.

Tags:
Fonte:
Cepea

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário