Trégua da chuva favorece desenvolvimento do milho e da soja em Guarapuava (PR)

Publicado em 29/01/2014 06:57 345 exibições

Com precipitações constantes desde o dia 1º, as primeiras três semanas de janeiro acumularam 208,8 mm de chuva. O volume é maior do que a média histórica para todo o mês: 196,4 mm. No distrito de Entre Rios, o atual período chuvoso se estendia há 25 dias. De 26 de dezembro até o último dia 19 não houve precipitações registradas somente nos dias 7, 10 e 19 de janeiro. Os dados são da estação meteorológica da Fapa (Fundação Agrária dePesquisa Agropecuária)/Simepar.

Com o tempo mais estável desde o terceiro final de semana de janeiro, os agricultores retomam as aplicações em milho, dificultadas nos dias chuvosos, explicou o coordenador da assistência técnica da Agrária, Leandro Bren. A soja, que necessita de maiores períodos de luminosidade na atual fase de desenvolvimento, igualmente se favorece com os dias mais secos.

Leia a notícia na íntegra no site Diário de Guarapuava.

Tags:
Fonte:
Diário de Guarapuava

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário