Milho: oferta recua 32% nesta safra e deve somar 15,34 milhões de toneladas

Publicado em 15/04/2014 10:43 e atualizado em 15/04/2014 11:21 500 exibições

O primeiro relatório de oferta e demanda mato-grossense de milho da safra 13/14 do Imea traz números menores para esta safra em relação à 12/13. Na nova temporada a oferta do cereal aparece 32% abaixo da oferta da safra anterior, com 15,34 milhões de toneladas, somando-se produção e estoques iniciais. Pelo lado da demanda o consumo interno registra aumento de 15% e o consumo interestadual de 20%, entretanto não são suficientes para reverter o recuo das aquisições públicas e das exportações, que devem reduzir a demanda mato-grossense para 15,25 milhões de toneladas, 32% menor no comparativo com a safra passada. As exportações recuam cerca de 6 milhões de toneladas em decorrência da menor oferta interna e da competitividade com os embarques norte americanos, que foram elevados em 139%, em relação à safra passada, no relatório de oferta e demanda de abril do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA). Neste relatório do USDA a produção mundial foi elevada, devido principalmente ao aumento de 2 milhões de toneladas na produção brasileira, e teve como contra partida o aumento do consumo e das exportações mundiais de milho, deixando os estoques finais mundiais do cereal na safra 13/14 praticamente estáveis em relação à estimativa anterior. Desta maneira, fica a expectativa para o desenvolvimento da segunda safra brasileira, bem como para a safra 14/15 dos EUA. 

Leia o boletim na íntegra no site do Imea

Tags:
Fonte:
Imea

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário