Milho: Após atingir menor nível em 7 semanas, preços esboçam recuperação

Publicado em 20/05/2014 08:49 784 exibições

Nesta terça-feira (20), os futuros do milho negociados na Bolsa de Chicago (CBOT) operam com leves altas. Por volta das 8h35 (horário de Brasília), o vencimento julho/14 era negociado a US$ 4,78 por bushel, com ganho de 0,93 ponto.

Após as perdas da última sessão, na qual, os preços recuaram ao menor patamar em 7 meses, as cotações esboçam uma recuperação. Nos últimos dias, a evolução do plantio do cereal norte-americano tem sido o principal fator de pressão nos preços. 

O USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) reportou nesta segunda-feira, que o plantio do milho alcançou 73% da área estimada para essa safra. Na última semana, o percentual era de 59% e no mesmo período do ano passado, de 65%. A média dos últimos cinco anos é de 76%.

A Carolina do Norte é o estado mais avançado no plantio do cereal, que atingiu 96% da área projetada. Ainda de acordo com o departamento, em torno de 34% das lavouras de milho já emergiram, número maior do que o registrado na última semana, de 18%, e do mesmo período do ano anterior, de 17%. A média dos últimos cinco anos é de 42%.

Em contrapartida, a demanda pelo produto norte-americano permanece firme. Os embarques do cereal totalizaram 1.060,14 milhão de toneladas até o dia 15 de maio. Na última semana, o número ficou em 1.212,65 milhão de toneladas. Ainda de acordo com o departamento, o volume total embarcado de milho norte-americano no acumulado no ano safra é de 31.509,14 milhões de toneladas. A estimativa do USDA é de 48.260,00 milhões de toneladas.

Tags:
Por:
Fernanda Custódio
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário