Milho: Mercado recua e contrato julho/14 alcança menor patamar desde março

Publicado em 27/05/2014 09:00 513 exibições

Após o feriado do Memorial Day, comemorado na segunda-feira (26) nos EUA, os futuros do milho negociados na Bolsa de Chicago (CBOT) operam do lado negativo da tabela no pregão desta terça-feira (27). Por volta das 8h51 (horário de Brasília), o vencimento julho/14 era negociado a US$ 4,71 por bushel, com perda de 5,33 pontos.

O mercado passa por uma correção técnica depois das altas registradas no pregão da última sexta-feira (23). De acordo com informações da agência internacional Bloomberg, na manhã desta terça-feira, o contrato julho/14 alcançou o nível de US$ 4,70 por bushel, o menor patamar desde 4 de março. 

Os preços são pressionados de que os produtores norte-americanos conseguiram avançar a semeadura do grão na última semana. Enquanto que, a previsão de chuvas para os próximos dias melhora as perspectivas para o desenvolvimento da cultura. 

Até o dia 19 de maio, o plantio do cereal estava completo em 73% da área projetada para a safra 2014/15. A média dos últimos cinco anos é de 76%, segundo informações divulgadas pelo USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos). 

E os participantes do mercado aguardam a atualização semanal do departamento norte-americano sobre o progresso do plantio no país e o relatório de embarques semanais. Ambos os boletins serão divulgados no final desta terça-feira.  

Tags:
Por:
Fernanda Custódio
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário