Milho MT: Aumento do consumo no Brasil está projetado em 11%; produção está em 9%

Publicado em 05/08/2014 09:06 403 exibições

Não é novidade que os preços do milho praticados no mercado mato-grossense atualmente, em patamar abaixo do preço mínimo, desagradam aos produtores do cereal. Se deste lado o cenário de preços baixos é desanimador, do lado da demanda ele estimula o consumo. O grão é um dos mais importantes componentes da nutrição de aves e suínos, afetando diretamente no custo de criação destes animais. O USDA estima que a produção mundial de aves domésticas deve aumentar 6% de 2014 para 2015, acompanhada pela elevação esperada no consumo. Já no Brasil o aumento do consumo está projetado em 11%, enquanto a produção deve se elevar em apenas 9%. Este panorama de crescimento também é esperado para os suínos, entretanto em níveis um pouco menores. Neste contexto, se doenças que afetam os setores, como a gripe aviária e a diarreia suína, não chegarem ao Brasil, podem alavancar a demanda pela produção brasileira. Desta maneira, o baixo preço do milho no mercado pode incentivar o consumo para criação de animais, amenizando os estoques finais do cereal que pressionam os preços da próxima temporada.

Leia o boletim na íntegra no site do Imea

Tags:
Fonte:
Imea

0 comentário