Estoques de milho no Brasil deverão seguir elevados em 2015

Publicado em 26/12/2014 09:35 522 exibições

Por Rafael Ribeiro de Lima Filho

Scot Consultoria

A expectativa de estoques elevados no Brasil foi o principal fator de baixa no mercado de milho em 2014.

A Companhia Nacional de Abastecimento (CONAB) estimou, no relatório de dezembro, 15,46 milhões de toneladas do grão estocadas ao final da temporada 2013/14.

O volume aumentou 87,2% em relação as 8,26 milhões de toneladas em 2012/13.

Em 2014, a safra cheia nos Estados Unidos diminuiu a procura pelo milho brasileiro para exportação neste segundo semestre.

O país deve fechar 2013/14 com 19,50 milhões de toneladas embarcadas, frente ao recorde registrado em 2012/13, de 26,17 milhões de toneladas embarcadas.

Para 2014/15, cuja safra de verão ou primeira safra já foi semeada, os estoques estão estimados em 19,46 milhões de toneladas.

A princípio, a grande disponibilidade interna seguirá pressionando as cotações de milho para baixo em 2015.

Os fatores de alta estão relacionados a redução da área plantada e produção nesta safra e a possibilidade de redução também na segunda safra.

Tags:
Fonte:
Scot Consultoria

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário