RS já colheu 13% do milho e perdas aparecem em partes do estado, segundo a Emater

Publicado em 17/01/2020 09:29 e atualizado em 17/01/2020 10:13
356 exibições

LOGO nalogo

A Emater (Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural) divulgou seu boletim semanal com a atualização para as safras do Rio Grande do Sul. Segundo o levantamento, 13% do total da área cultivada com milho já foi colhida no estado.

Do restante, 20% ainda estão nos estágios de germinação e descanso vegetativo, 13% estão em floração, 28% já avançaram para enchimento de grãos e 26% estão maduros por colher.

No último relatório divulgado, 5% já haviam sido colhidos, no mesmo período do ano passado, o índice já retirado dos campos era de 11% do total estimado.

O relatório aponta ainda que apesar das chuvas ocorridas no estado, os acumulados não reverteram o déficit hídrico na maior parte do Rio Grande do Sul, o que tem prejudicado o desenvolvimento da cultura.

Na regional administrativa da Emater/RS-Ascar de Ijuí, que corresponde a 10% da área cultivada no estado, o potencial produtivo varia muito. Diversos municípios apontam perdas superiores a 50% e em alguns no Corede Celeiro não há perdas.

Já em Santa Rita, maior região produtora de milho do RS com 15,4% da área, há leve redução no rendimento até o momento devido à baixa umidade do solo nos últimos dias e à ocorrência de poucas chuvas.

Por outro lado, regiões como a da Fronteira Noroeste e de Frederico Westphalen não contabilizam perdas significativas até o momento.

Tags:
Por: Guilherme Dorigatti
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário