PEP de Milho 111/2010 para o dia 08/06/2010 tem alterações

Publicado em 01/06/2010 12:54 e atualizado em 01/06/2010 13:32 1111 exibições

PEP de Milho 111/2010 para o dia 08/06/2010 tem alterações.

No mesmo dia, logo após teremos um Leilão de PEPRO de 120 mil t exclusivamente para o Oeste da Bahia.

 

Condições básicas: [Mercado Interno e Externo]

 

O Comprador habilitado deve provar que pagou [até 08/07/2010] o Preço Mínimo da região e adquirir no máximo 1.000 t por produtor, de milho depositado em Armazém cadastrado na CONAB;

 

O Vendedor (Agricultor) deve estar cadastrado na CONAB(Novo) cfe Modelo do Comunicado Dirab/Suope/Gerop nº 042 de 05/03/2010;

 

O produto não poderá ter como destino final os Estados que compõem as Regiões Sul, Sudeste (exceto norte de Minas Gerais e Espírito Santo, para onde o escoamento será permitido) e Centro Oeste, e os Estados da Bahia, Maranhão, Piauí, Rondônia, Sergipe e Tocantins;

 

A alteração introduzida foi a de criar uma nova região no Paraná.

 

Região Origem

Quantidade (t)

Premio R$ por sc de 60 kg

ofertada

adquirida

Inicial/Max:

Final:

DF/GO

130.000

 

4,98

 

MG

070.000

 

4,08

 

MS

080.000

 

4,62

 

PR-1

080.000

 

3,72

 

PR-2

040.000

 

2,52

 

MT-1

165.000

 

6,84

 

MT-2

115.000

 

6,24

 

MT-3

070.000

 

5,04

 

MT-4

100.000

 

4,62

 

MT-5

025.000

 

5,04

 

MT-6

125.000

 

2,64

 

Total

1.000.000

 

4,72

 

 

Anexos comprobatórios para prestação de contas até 29/10/2010:

Anexo I – Relação dos municípios de cada região do MT;

Anexo II – Declaração de consumo ou de produção, cfe. o caso;

Anexo III – Endereços das SUREG’s da CONAB;

Anexo IV – Declaração de recebimento do valor;

Anexo V – Declaração de Pagamento;

Anexo IV – Declaração do Armazenador com Nº do CDA/Conab e firma reconhecida.

Anexo: Projeto Agrícola de cadastro do agricultor na CONAB

 

 

Clique nos links abaixo e veja os editais:

 

Pep Millho

Pepro

Tags:
Fonte:
Conab

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário