Milho e soja puxam valor em Mato Grosso

Publicado em 15/10/2010 15:18
535 exibições

A lavoura mato-grossense teve queda de 14% no Valor Bruto da Produção (VBP) em setembro de 2010, comparado com o mês em 2009. O preço caiu de R$ 21,084 bilhões para R$ 18,106 bilhões. A soja e o milho são apontados como as culturas que mais influenciaram neste desempenho, com baixas de 25,3% e 24,5%, respectivamente. O levantamento é do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa).

O VBP da soja mato-grossense caiu de R$ 13,354 bilhões para R$ 9,978 bilhões. Enquanto o milho de R$ 2,249 bilhões despencou para R$ 1,698 bilhão.

De acordo com o presidente da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja/MT), Glauber Silveira, a explicação para a retração do VBP das duas principais culturas do Estado é em virtude da queda do câmbio.

São produtos regidos pelo mercado internacional. Como o preço do dólar vem baixando, consequentemente, impacta os preços dessas commodities, frisa.

DESTAQUES - Em contrapartida, o VBP do algodão herbáceo registrou incremento de 28%, tendo rendimento de R$ 4,654 bilhões. No mesmo mês em 2009, o VBP da cultura foi de R$ 3,632 bilhões. O diretor da Associação Mato-Grossense dos Produtores de Algodão (Ampa), Alexandre De Marco, afirma que a alta é em vista da valorização no preço da pluma do algodão nos últimos meses.

A banana também teve acréscimo de 50,58%, seu VBP atingiu R$ 117,940 milhões, em 2009 foi de R$ 78,322 milhões.

Tags:
Fonte: Folha do Estado

Nenhum comentário