Líderes europeus alertam para 2012 difícil com possível recessão

Publicado em 02/01/2012 06:27 666 exibições
Líderes europeus alertaram, em suas mensagens de ano novo na televisão, que 2012 será difícil no continente, com muitos economistas prevendo uma recessão. A chanceler alemã, Angela Merkel, disse que a Europa está passando pelo seu "mais duro teste em décadas", mas que a região está ficando cada vez mais unida diante da crise da dívida pública.

"O próximo ano 2012 será sem dúvida mais difícil do que 2011", disse Merkel, em um pronunciamento na televisão alemã. "O caminho para superar isso a crise da dívida continua longo e não sem obstáculos, mas ao final deste caminho a Europa emergirá mais forte da crise do que quando entrou", disse. Ela também defendeu o euro, afirmando que a moeda facilitou "a vida cotidiana e tornou nossa economia mais forte".

Veja a notícia completa no site do Terra

Na Reuters: Grécia deve manter reformas em 2012 para permanecer no euro

A Grécia vai enfrentar mais um ano difícil em 2012, mas deve manter seu programa de austeridade e reforma para permanecer no euro, disse o primeiro-ministro Lucas Papademos, em discurso gravado para a véspera do ano novo.

"Um ano muito difícil está à nossa frente. Devemos continuar com nossos esforços com determinação para permanecermos no euro, para garantir que não desperdicemos os sacrifícios e não transformemos a crise em uma falência incontrolada e desastrosa", disse Papademos, de acordo com uma transcrição fornecida por seu gabinete.

Fonte:
BBC Brasil

0 comentário