Secretário pede ação direta do Parlamento brasileiro na questão dos brasiguaios

Publicado em 08/02/2012 16:31 439 exibições
O secretário de Assuntos Internacionais de Foz do Iguaçu (PR), Sérgio Lobato Machado, fez hoje (8) um apelo aos parlamentares brasileiros para que atuem diretamente na resolução dos conflitos em torno dos brasiguaios, cuja situação considera “gravíssima”. Brasiguaios são os produtores brasileiros que vivem no Paraguai.

Desde o dia 23 de janeiro, os brasiguaios e os carperos, como são conhecidos os sem-terra paraguaios, estão em conflito na região de Santa Rosa del Monday, no Alto Paraná. Para os sem-terra paraguaios, nesta região, as terras foram ocupadas irregularmente por brasileiros. Os carperos alegam que as terras seriam destinadas anteriormente à reforma agrária. Os produtores brasileiros negam que as terras sejam irregulares. A Justiça paraguaia determinou a reintegração de posse para os brasileiros.

“São 350 mil brasileiros que moram no Paraguai. Alguns moram lá há 50 anos. Transformaram o país num celeiro agrícola dos mais importantes do mundo e agora são invadidos”, disse o secretário, que esteve ontem (7) no Paraguai avaliando a situação. “Eles estão precisando do apoio do governo brasileiro. Faço um apelo para que todos saibam da gravidade da situação”, completou.

Em pronunciamento no início da semana, o presidente do Paraguai, Fernando Lugo, disse que seu governo rejeita atos violentos e de Justiça com as próprias mãos e orientou a polícia a assegurar a ordem na região de fronteira.

O Senado brasileiro poderá criar uma comissão externa para apurar o caso.

Fonte:
Agência Brasil

0 comentário