Publicidade

MST volta a ocupar fazenda da Cutrale no interior de São Paulo

Publicado em 13/11/2012 11:36 356 exibições
Um grupo de 300 mulheres do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra) ocupou, na manhã deste domingo (11), a fazenda Santo Henrique, da empresa Cutrale, no município de Borebi (309 km de São Paulo), segundo informou o movimento. Os sem-terra exigem que a área da fazenda seja desapropriada pela União. Em 2007, a Justiça Federal determinou que a propriedade fosse devolvida à União por ter sido obtida por meio de “grilagem” (falsificação de escrituras), mas a decisão final não foi tomada porque a empresa entrou com recursos.

Veja a notícia na íntegra no site do UOL
Fonte:
UOL

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário