Saída de Nelson Barbosa é preocupante e "diminui a fé no modelo Dilma", diz Financial Times

Publicado em 21/05/2013 15:23 467 exibições

Pelo segundo dia consecutivo, o jornal Financial Times (FT) critica duramente o governo de Dilma Rousseff. Em reportagem divulgada nesta terça-feira, a publicação britânica diz que o anúncio da saída do secretário-executivo do Ministério da Fazenda, Nelson Barbosa, é "preocupante" e diminui ainda mais a "fé no modelo Dilma", o que pode gerar preocupações para o setor privado. Com o título "Investidores perdem a fé no 'modelo Dilma' para reanimar a economia do Brasil", a reportagem diz que a saída do secretário aumentou as preocupações sobre a estratégia da presidente brasileira a respeito do crescimento da economia. "A saída de um alto burocrata pouco conhecido fora de seu país normalmente não preocupa investidores internacionais. Mas a saída de Nelson Barbosa por 'razões pessoais' na semana passada foi considerada preocupante", diz o texto assinado por Joe Leahy, chefe da sucursal do FT em São Paulo.

Veja a notícia na íntegra no site do Estadão.

Fonte:
Estadão

0 comentário