Justiça dos EUA libera parcela de pagamento de dívida da Argentina

Publicado em 29/07/2014 07:51 427 exibições

O juiz americano Thomas Griesa liberou parcialmente nesta segunda-feira (28) o pagamento de parte da dívida do governo da Argentina para não interromper outro pagamento pela desapropriação da Repsol. O pedido de desbloqueio foi feito pelo banco que recebeu as quantias, já que ambas tinham a mesma identificação.

O pagamento à espanhola Repsol é resultado da expropriação, feita em 2012 pelo governo argentino, de 51% das ações da YPF, subsidiária da Repsol. A Argentina acusou a empresa se investir muito pouco no país, por isso restatizou a empresa petrolífera.

Já o pagamento da dívida tem relação com o default de 2001, que teve a renegociação com os credores contestada na Justiça por um grupo de fundos especulativos que exige o pagamento integral.

Griesa, juiz do litígio entre a Argentina e os fundos, desbloqueou o pagamento de juros a credores da dívida porque o dinheiro para pagamento da dívida foi depositado com o mesmo Número de Identificação de Segurança Internacional (Isin, na sigla em inglês) que o para pagar a Repsol. Os fundos abutre, que conseguiram na Justiça o pagamento integral dos títulos de dívida com o país, pediam o bloqueio do pagamento à Repsol.

Leia a notícia na íntegra no site do G1.

Fonte:
G1

0 comentário