Mais importante que inflação de 2018 é ancoragem em torno da meta para próximos anos, diz Ilan

Publicado em 11/01/2019 14:56
21 exibições

LOGO REUTERS

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, avaliou nesta sexta-feira que mais importante do que a inflação ter ficado em torno da meta em 2018 é o fato de as expectativas de inflação para os próximos anos encontram-se também em torno do alvo estabelecido pelo governo, o que atribuiu ao trabalho do BC e à credibilidade da política monetária.

Em evento do BC no Rio de Janeiro, Ilan destacou que manter o controle da inflação é trabalho contínuo e que a continuidade de reformas e ajustes na economia é essencial para inflação baixa no médio e longo prazo, para a queda da taxa de juros estrutural e para a recuperação sustentável da economia.

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) fechou 2018 com alta de 3,75 por cento, abaixo do centro da meta do governo de 4,5 por cento, mas dentro da margem de tolerância de 1,5 ponto percentual para mais ou menos, em meio a um cenário de atividade econômica sem fôlego, desemprego alto e demanda fraca.

(Por Rodrigo Viga Gaier, texto de Marcela Ayres)

Fonte: Reuters

Nenhum comentário