Produção em refinarias de petróleo da China atinge recorde em 2018

Publicado em 21/01/2019 09:27
27 exibições

LOGO REUTERS

PEQUIM/CINGAPURA (Reuters) - As refinarias chinesas elevaram a produção para um recorde em 2018, puxado por estatais de petróleo que maximizaram as operações com melhores margens de lucro e refinarias privadas que aumentaram o processamento após receberem cotas de importação maiores.

As refinarias processaram 603,57 milhões de toneladas de petróleo bruto no ano passado, ou cerca de 12,07 milhões de barris por dia (bpd), um aumento de 6,8 por cento em relação a 2017, informou o Departamento Nacional de Estatísticas nesta segunda-feira.

Em dezembro, o refino de petróleo subiu 4,4 por cento na comparação anual, para 51,17 milhões de toneladas, ou 12,05 milhões de bpd, ficando perto do recorde de 52,78 milhões de toneladas acumulado em outubro.

A produção de petróleo bruto na China caiu em 2018 pelo terceiro ano consecutivo, apesar dos crescentes investimentos, mostraram os dados. A produção anual de petróleo caiu 1,3 por cento, para 189,11 milhões de toneladas, ou 3,78 milhões de bpd.

Mas em dezembro, a produção registrou um raro aumento de 2 por cento no comparativo anual, depois que as empresas intensificaram a perfuração, com produção mensal de 16,33 milhões de toneladas, ou 3,845 milhões de barris por dia, o maior nível diário desde junho do ano passado.

Enquanto isso, a produção de gás natural em dezembro subiu para um recorde de 15,3 bilhões de metros cúbicos (bcm), um aumento de 10 por cento em relação ao ano anterior, superando o recorde de 14,27 bcm em novembro, mostraram os dados.

Para todo o ano de 2018, a produção de gás subiu 7,5 por cento em relação ao ano anterior, para 161 bcm.

Fonte: Reuters

Nenhum comentário