Fed deve "comunicar conforto" com inflação ligeiramente maior, diz Evans

Publicado em 15/04/2019 14:28
20 exibições

LOGO REUTERS

NOVA YORK (Reuters) - O Federal Reserve deve estar disposto a aceitar uma inflação acima de 2 por cento durante metade do tempo e comunicar essa preferência ao público para evitar o afastamento de sua meta atual, disse uma importante autoridade do banco central nesta segunda-feira.

"Embora a política monetária tenha sido bem sucedida em alcançar nosso mandato de máximo emprego, ela tem tido menos sucesso com relação ao nosso objetivo de inflação", disse o presidente do Federal Reserve de Chicago, Charles Evans, em declarações preparadas para apresentação em Nova York.

"Para resolver este problema, acho que o Fed deve estar disposto a aceitar a inflação modestamente acima de 2 por cento em 50 por cento do tempo. De fato, eu comunicaria conforto com um núcleo da inflação de 2,5 por cento, contanto que não haja um impulso óbvio para cima e que o caminho de volta para os 2 por cento possa ser bem gerenciado."

(Por Trevor Hunnicutt)

Fonte: Reuters

Nenhum comentário