Marinho ouve líderes sobre mudanças na PEC da Previdência, mas diz que ainda não há acordo (REUTERS)

Publicado em 17/04/2019 17:19
23 exibições

LOGO REUTERS

BRASÍLIA (Reuters) - Representantes do governo ouviram reivindicações de mudanças de pontos da reforma da Previdência para tentar garantir a aprovação do texto na reunião da CCJ da Câmara na próxima terça-feira, mas nenhum acordo foi fechado nesta quarta-feira, disseram o líder do governo na Câmara, Major Vitor Hugo (PSL-GO), e o secretário de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho.

O líder do PP na Câmara, Arthur Lira (AL), chegou a dizer um pouco antes, ao sair do encontro, que teria havido acordo para que pontos da reforma já fossem modificados na CCJ.

Mas tanto Vitor Hugo quanto Marinho afirmaram depois que não houve fechamento de acordo e que as tratativas vão seguir pelos próximos dias para se avaliar quais mudanças podem ser feitas.

O líder do governo, inclusive, foi taxativo ao dizer que defende a manutenção na íntegra do texto enviado pelo governo na CCJ e que eventuais modificações sejam feitas na comissão especial, etapa seguinte da tramitação da Proposta da Emenda à Constituição (PEC) da Previdência.

(Reportagem de Ricardo Brito)

Fonte: Reuters

0 comentário