Índice de Xangai recua de máxima de 13 meses por realização de lucros

Publicado em 18/04/2019 08:25
15 exibições

LOGO REUTERS

XANGAI (Reuters) - O índice acionário de Xangai recuou da máxima de fechamento de 13 meses e terminou em queda nesta quinta-feira, uma vez que investidores travaram ganhos após o forte rali sustentado por sinais de recuperação econômica.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, teve queda de 0,37, enquanto o índice de Xangai caiu 0,4 por cento.

A economia da China repetiu no primeiro trimestre a taxa de crescimento de 6,4 por cento sobre o ano anterior, desafiando expectativas de uma desaceleração, uma vez que a produção industrial saltou com força e a demanda do consumidor mostrou sinais de melhora.

O mercado acionário, que precificou estabilização econômica, saltou cerca de 30 por cento até agora neste ano. Entretanto, os investidores mantiveram a cautela buscando mais pistas sobre a saúde da economia global.

"As ações subiram bastante neste ano. Entretanto, não há necessidade para se preocupar, porque estão apenas recuperando as perdas do ano passado, e achamos que ainda há espaço para subir", disse Louis So, co-diretor de investimento do Value Partners Group.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 0,84 por cento, a 22.090 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,54 por cento, a 29.963 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,40 por cento, a 3.250 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 0,37 por cento, a 4.072 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 1,43 por cento, a 2.213 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 0,32 por cento, a 10.962 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 0,03 por cento, a 3.347 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 0,05 por cento, a 6.259 pontos.

(Reportagem de Luoyan Liu e John Ruwitch)

Fonte: Reuters

Nenhum comentário