STF não tem vaga no momento, diz Moro a rádio após declaração de Bolsonaro

Publicado em 13/05/2019 11:25
78 exibições

LOGO REUTERS

(Reuters) - O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, afirmou nesta segunda-feira que se sentiu honrado com a declaração do presidente Jair Bolsonaro de que vai indicá-lo para a próxima vaga no Supremo Tribunal Federal (STF), mas lembrou que a corte está completa no momento e que irá avaliar a opção se receber um convite de fato.

“Fico honrado com o que presidente falou, mas não tem a vaga no momento. Quando surgir, ele vai avaliar se vai manter convite, eu vou avaliar se vou aceitar, se for feito efetivamente o convite”, disse Moro em entrevista à rádio Jovem Pan, ao ressaltar que continua focado em seu trabalho na pasta de Justiça e Segurança Pública.

Em entrevista na véspera à Rádio Bandeirantes, Bolsonaro voltou a dizer que vai indicar Moro para a próxima vaga no Supremo que deve ser aberta em novembro de 2020, com a aposentadoria do ministro Celso de Mello. O presidente afirmou que "tem um compromisso com Moro".

Considerado por muitos como um "gol de placa" do governo Bolsonaro na montagem do primeiro escalão, Moro tem acumulado uma série de dificuldades nos quatro meses à frente da pasta, que colocam em xeque o eventual sucesso dos planos para a área do ex-juiz da operação Lava Jato que é apontado como potencial sucessor do presidente em 2022.

Fonte: Reuters

0 comentário