Bolsas nos EUA: Wall St se recupera com tom mais ameno entre EUA e China

Publicado em 14/05/2019 21:07
40 exibições

NOVA YORK (Reuters) - As ações norte-americanas recuperaram nesta terça-feira parte do terreno perdido na véspera, com ações do setor de tecnologia liderando as altas nos índices S&P 500 e Nasdaq, conforme investidores ficaram animados com a mudança de tom na retórica comercial EUA-China.

Os três principais índices de Wall Street fecharam no azul, mas reduziram ganhos no final do dia, recuperando menos da metade das perdas de segunda-feira, as mais fortes em meses.

O Dow Jones subiu 0,82%, para 25.532,05 pontos. O S&P 500 ganhou 0,8%, para 2.834,41 pontos. O Nasdaq teve alta de 1,14%, para 7.734,49 pontos.

Os investidores se acalmaram após o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, se referir à escalada da guerra comercial com a China como uma pequena briga. "Temos um bom diálogo em andamento", afirmou Trump.

Pequim ecoou esse sentimento. Um porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China disse: "Meu entendimento é que a China e os EUA aceitaram continuar as discussões relevantes".

"(Hoje) foi uma boa oportunidade de compra considerando que os preços ficaram baixos ontem", disse Jim Bell, diretor de investimentos da Bell Investment Advisors. "E agora Trump está tentando se acalmar."

A ação da Boeing subiu 1,7%, dando o maior impulso ao Dow Jones, com papéis do setor industrial (vulneráveis a tarifas) dando fôlego ao índice de blue chips.

Dos 11 principais índices setoriais do S&P 500, apenas serviços públicos fechou em queda. O índice de tecnologia avançou 1,6%.

Fonte: Reuters

Nenhum comentário