Bovespa fecha em queda de 0,31%, sob expectativa de alta dos juros

Publicado em 17/03/2010 17:53 348 exibições

Há algumas horas do desenlace da reunião do Copom, os investidores não tiveram ânimo para novas apostas, o que contribuiu para deixar a Bovespa (Bolsa de Valores de São Paulo) em terreno negativo durante boa parte do pregão desta quarta-feira. Principal influência do mercado brasileiro, as Bolsas americanas valorizaram na sessão de hoje, o que não foi suficiente para animar os negócios na cena doméstica.

O Ibovespa, principal termômetro dos negócios da Bolsa paulista, recuou 0,31%, aos 69.723 pontos. O giro financeiro foi de R$ 5,41 bilhões, bem abaixo da média (R$ 7,1 bilhões/dia, na primeira quinzena do mês). Nos EUA, a Bolsa de Nova York fechou em alta de 0,45%.

O dólar comercial foi cotado por R$ 1,765, em um decréscimo de 0,16%. A taxa de risco-país marcou 189 pontos, número 1,61% acima da pontuação anterior.

O Copom, do BC, anuncia após o encerramento dos negócios a nova taxa básica de juros brasileira, hoje em 8,75% ao ano. O mercado está bastante dividido: alguns economistas acreditam na manutenção dos juros, enquanto outros defendem ajustes entre 0,25 e 0,50 percentual.

"Para o mercado, já ficou claro a essa altura que o Copom vai subir os juros hoje. Mas todo mundo está preparado para um aumento de 0,25 ponto [percentual]. Se der algo em torno de 0,50 ponto, é possível que ocorra um pouco de estresse [amanhã]", comenta Flávio Beylouni, operador da corretora gaúcha Diferencial.

Entre outras notícias importantes do dia, o Departamento de Trabalho dos EUA apontou deflação de 0,6% nos preços de atacado no mês de fevereiro, uma queda superior às expectativas. Outro órgão do governo americano, o Departamento de Energia, divulgou um aumento acima das expectativas das reservas de petróleo, em 1 milhão de barris (até o dia 12).

O BC brasileiro informou que o fluxo cambial do país (a diferença entre saídas e entradas de dólares) ficou negativo em US$ 1,5 bilhão neste mês, até o dia 12. o resultado também é negativo no acumulado deste ano, em US$ 867 milhões.

Fonte:
Folha Online

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário