Presidente da Embrapa aposta na internacionalização da agricultura tropical

Publicado em 30/04/2010 08:12 225 exibições
Internacionalizar a agricultura tropical é uma questão humanitária e de estado, afirmou, nesta quinta-feira (29), o presidente da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Pedro Arraes, na cerimônia de comemoração dos 37 anos da Embrapa e abertura oficial da 7ª Exposição de Tecnologia Agropecuária da Embrapa - Ciência para a Vida. Participam do evento o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e ministros, como o da Agricultura, Wagner Rossi.

Seguindo esta linha, Arraes mencionou o trabalho da Embrapa África, que já está testando cultivares de arroz, soja milho, feijão e hortaliças em 19 países do continente. Ele também citou a atuação da empresa na Venezuela, onde já foram plantados dois mil hectares de soja, na cidade de Los Tigres.

De acordo com Arraes, 25 pesquisadores da empresa atuam fora do Brasil, nos escritórios da Empresa e nos Laboratórios Virtuais da Embrapa no Exterior (Labex), como os instalados na Inglaterra e Coreia do Sul.

O presidente da empresa reforçou a importância do investimento em pesquisa agropecuária. ”Comemoramos aqui 37 anos de transformação da realidade tecnológica da agricultura tropical e ainda precisamos vencer desafios como a inclusão social no campo. Para isso, o governo federal tem ampliado os recursos, como os destinados ao PAC Embrapa. Em 2009, executamos o maior orçamento da história da empresa, quando foram investidos R$ 1 bilhão.

Fonte:
O Documento

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário