Bovespa cede 3,35% com mau humor global; dólar vale R$ 1,75

Publicado em 04/05/2010 14:07 245 exibições

A Bovespa (Bolsa de Valores de São Paulo) amarga fortes perdas na jornada desta terça-feira, acompanhando de perto o sentimento de pessimismo sobre a situação da Europa, que se reflete nas Bolsas europeias e americanas. As ações preferidas pelos investidores, Petrobras e Vale, já caem mais de 4%.

O pacote de ajuda financeira da União Europeia e do FMI à Grécia, em vez de disseminar expectativas positivas, levantou dúvidas entre os agentes financeiros se outros países, como Portugal e Espanha, não serão os próximos "alvos".

O Ibovespa, principal índice de ações da Bolsa paulista, perde 3,35%, aos 64.870 pontos. O giro financeiro é de R$ 4 bilhões. Nos EUA, a Bolsa de Nova York recua 2,21%.

O dólar comercial é vendido por R$ 1,758, em um avanço de 1,50%. A taxa de risco-país marca 204 pontos, número 7,36% acima da pontuação anterior.

Entre as primeiras notícias do dia, o IBGE apontou que a produção industrial brasileira aumentou 2,8% em março, quase zerando as perdas do setor com a crise mundial.

No front corporativo, o grupo Itaú-Unibanco revelou lucro de R$ 3,2 bilhões para o exercício do primeiro trimestre, em um crescimento de 60,5% sobre o resultado de um ano atrás.

Nos EUA, a entidade privada NAR (associação dos corretores) indicou o aumento de 5,3% das vendas 'pendentes' de imóveis, acima das expectativas; e o Departamento de Comércio registrou uma expansão das encomendas às indústrias em 1,3%, também melhor do que o previsto.

Fonte:
Folha Online

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário