Bolsas da Ásia fecham em alta; temor com crise na Europa diminui

Publicado em 13/05/2010 09:45 235 exibições
As bolsas da Ásia avançaram, após o governo espanhol anunciar medidas destinadas a reduzir o déficit público, acalmando os investidores que temem que a crise de dívida enfrentada pela Grécia se dissemine entre as economias europeias.

Entre as medidas de austeridade na Espanha, estão o corte de em média 5% nos salários dos funcionários públicos a partir do mês que vem, o congelamento de aposentadorias e o fim do chamado "cheque-bebê", um programa que, desde 2007, concedia 2,5 mil euros para cada criança nascida no país.

O presidente espanhol José Luis Rodríguez Zapatero também anunciou uma redução de 600 milhões de euros no programa de ajuda ao desenvolvimento nacional entre este e o próximo ano.

Hoje, o mercado soube que as exportações do Japão aumentaram mais de 40% em março, em relação ao mesmo mês do ano passado, o que impulsionou os papéis de companhias exportadoras.

Em Tóquio, o índice Nikkei 225 subiu 2,18%, para 10.620 pontos. O Kospi, de Seul, avançou 1,9%, somando 1.694 pontos. O Shanghai Composite, de Xangai, teve alta de 2,06%, aos 2.710 pontos. Por sua vez, o Hang Seng, de Hong Kong, aumentou 1,04%, para 20.422 pontos.

Entre os destaques de alta, ficaram as ações de companhias exportadoras japonesas, como a Advantest, que subiu mais de 3%, e a Sony, com valorização por volta de 4%. Vale destacar também a Tokyo Electron, cujos papéis aumentaram 7%, depois de divulgar projeções para o calendário fiscal.

Fonte:
Valor Online

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário