Bovespa perde 1,63% nos primeiros negócios; dólar atinge R$ 1,79

Publicado em 29/06/2010 10:20 122 exibições

As ações brasileiras são negociadas com perdas desde a abertura das operações da Bovespa (Bolsa de Valores de São Paulo) nesta terça-feira. O mercado reage com mau humor às notícias mais recentes sobre as principais economias asiáticas: China e Japão.
Na China, há expectativa por uma possível desaceleração da economia chinesa, após o pico de maio, conforme sinalizada em sondagem da entidade privada Conference Board.

Os dados japoneses também foram pouco animadores: a produção industrial teve queda de 0,1% em maio, enquanto as exportações contraíram 1,7%.  O Ibovespa, termômetro dos negócios da Bolsa paulista, cede 1,63%, aos 63.176 pontos. Ontem, a Bovespa fechou em queda de 0,92%, com volume financeiro bastante reduzido.

As principais Bolsas asiáticas fecharam com perdas, a exemplo de Tóquio (retração de 1,27%) e Hong Kong (baixa de 2,30%). Na Europa, a Bolsa de Londres cede 2,06%; a Bolsa de Frankfurt cai 2,24%.

O dólar comercial é vendido por R$ 1,795, em um avanço de 0,67%. A taxa de risco-país marca 243 pontos, número 4,29% acima da pontuação anterior.

Entre as primeiras notícias do dia, a FGV apontou inflação de 0,85% em junho ante 1,1% em maio, pela leitura do IGP-M, utilizado para o reajuste dos contratos de aluguel. A cifra veio acima das estimativas do mercado (em torno de 0,7%). No ano, a variação foi de 5,68%, enquanto nos últimos 12 meses foi de 5,17%.

A Comissão Europeia revelou que o nível de confiança do consumidor na economia, entre os países da zona do euro, melhorou ligeiramente em junho na sequência de uma forte queda em maio. O índice teve leitura de 98,7 pontos ante 98,4 no mês passado.

O mercado aguarda ainda a divulgação da sondagem do instituto Conference Board sobre a confiança do consumidor americano, e o índice S&P/Case Shiller sobre preços de imóveis, também nos EUA.

 

Fonte:
Folha de São Paulo

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário