Índice asiático cede, Japão sobe com medida surpresa sobre juro

Publicado em 05/10/2010 09:42
240 exibições
As principais Bolsas asiáticas fecharam em rumos opostos nesta terça-feira, com o Japão subindo após uma medida inesperada do banco central.

Às 7h55 (horário de Brasília), o índice MSCI que acompanha as bolsas da região da Ásia Pacífico exceto Japão recuava 0,52%, aos 451 pontos, sendo que o índice de materiais tinha o pior desempenho, com queda de 1,6%.

O iene caiu e futuros de títulos do governo avançaram depois que o Banco do Japão cortou sua taxa básica de juro e prometeu mantê-la em zero até que os preços fiquem estáveis.

O movimento inesperado fez o Nikkei subir, contrariando a tendência em outros mercados asiáticos, onde a queda em Wall Street na véspera e preços menores do petróleo e de metais puxaram as bolsas para baixo.

O índice Nikkei da Bolsa de Tóquio fechou em alta de 1,47%, aos 9.518 pontos.

Os bancos centrais do Japão, Estados Unidos e Grã-Bretanha têm enfrentado pressão por maior interferência para apoiar suas economias, que mostram recuperação morna após a pior recessão em décadas.

A decisão do Banco do Japão de reduzir o juro foi unânime. O BC vinha mantendo a taxa em 0,1% desde o fim de 2008.

"Foi uma jogada absolutamente surpreendente e corajosa. O BC japonês enviou uma mensagem favorável aos mercados, que esperavam apenas pequenos passos graduais", disse Seiji Shiraishi, economista-chefe do HSBC Securities Japan.

"O Federal Reserve também deve facilitar o crédito a curto prazo, portanto, o Banco do Japão tinha que agir agora para ter um grande impacto no mercado", disse Junko Nishioka, economista-chefe da RBS Securities no Japão.

Em Hong Kong o índice Hang Seng fechou com leve alta de 0,09%, aos 22.639 pontos. Xangai não operou e Taiwan recuou 0,55%, para 8.200 pontos.

Em Seul o índice fechou estável, aos 1.878 pontos.

Sydney encerrou com leve queda de 0,4%, para 4.606 pontos.

Cingapura ganhou 0,16%, para 3.162 pontos.
Fonte: Reuters

Nenhum comentário