Alimentos sobem menos e ajudam inflação em SP a cair

Publicado em 24/11/2010 10:15 124 exibições
A inflação ao consumidor em São Paulo desacelerou em meados do mês, refletindo o começo de um arrefecimento da alta de preços dos alimentos, além de menores variações de habitação e transportes.

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) de São Paulo teve alta de 0,77 por cento na terceira quadrissemana de novembro, ante 0,87 por cento na segunda, informou a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) nesta quarta-feira.

Os custos de Alimentação subiram um pouco menos, em 2,02 por cento nesta leitura, contra 2,15 por cento na anterior.

Os de Habitação também avançaram menos, em 0,25 por cento, comparado a 0,39 por cento na segunda quadrissemana.

Os custos de Transportes, que estão sendo pressionados pelo reajuste dos combustíveis, registraram elevação de 0,53 por cento na terceira quadrissemana, ante 0,73 por cento antes.

Os preços de Vestuário aceleraram a alta para 0,54 por cento, comparado a 0,37 por cento antes.

O IPC mede a variação dos preços no município de São Paulo de famílias com renda até 20 salários mínimos.

Fonte:
Reuters

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário